sábado, maio 19, 2007

GRANDES ASTROS SUPERMAN 3 & 4

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Tirando o atraso (não da leitura, porque tenho lido essa série assim que compro, mas do blog), vamos a análise das edições 3 e 4 de Grandes Astros Superman, o gibi que já nasceu clássico, onde a dupla criativa Grant Morrison e Frank Quitely continua fazendo miséria.
Na edição 3 temos a continuação da trama focada em Lois Lane e no herói. Como presente de aniversário da amada, o Superman lhe dá uma poção que confere os mesmos poderes do homem de aço por um dia para que tomá-la. Prato cheio para Morrison colocar em ação suas loucuras geniais, boa parte delas calcadas na Era de Prata da DC, como os Subterranosauros e os personagens Sansão e Atlas, que querem tirar uma casquinha da Srta. Lane, rendendo momentos deliciosos, como aquele onde os dois disputam uma queda de braço com o Super. E aquela última página, onde mostra uma edição futura do Planeta Diário? “Superman Morto. Por Clark Kent”? Como assim?! Esse Morrison está aprontando uma.
Lois fica de lado na edição 4. Dessa vez o “amiguinho” da vez do super-herói é o Jimmy Olsen, que escreve a coluna Por Um Dia, na qual conta suas experiências vivendo como outra pessoa, no caso aqui, o diretor do Projeto DNA (mostrado na edição de estréia). Mas, como ele é o Olsen, acaba se metendo em confusão (putz, parece chamada da Globo; só faltou dizer “essa turminha maluca”, heheheh) e acaba pedindo ajuda ao seu amigo super poderoso. No meio do processo, surgi a Kriptonita Preta, que afeta o comportamento do herói, deixando-o mau, e Olsen usa um dos trecos do Projeto DNA para tentar detê-lo, tudo com aquele cheirinho de Era de Prata que o autor adora.
Continua totalmente excelente. Essa série é daquelas para guardar para os netos lerem.

Um comentário:

B0bY disse...

ASS é muito bom mesmo, acima e muito do que eu tava esperando. Tenho até amigos marvetes que odeiam o Superman profundamente e que não trocar essa revista por nada.

Sabes dizer por quanto tempo vai ser essa dupla criativa?